Como preparar a melhor infusão

Se há coisa de que todos nos recordamos, ela é provavelmente os chás quentinhos que bebíamos em casa das nossas avós. É esse sabor que se quer, fielmente, recuperar com as nossas infusões, sejam elas de Cidreira, Lúcia-Lima ou Hortelã Pimenta.

Contudo, existe o hábito, nem sempre correcto de ferver as ervas para preparar a infusão, à qual, também se chama, vulgarmente chá.

Quando se faz bebidas com água a ferver a partir de ervas, folhas, flores ou frutos, chama-se infusão. De forma geral, estas bebidas são chamadas de chás, mas na verdade existe diferença entre elas: os chás são as bebidas feitas apenas a partir da planta Camellia Sinensis, que é a que dá origem aos chás verde, preto e outros. Quando se trata de outras ervas e plantas trata-se, na verdade, de uma infusão.

Uma vez distinguidos chás de infusões, vamos saber como é que pode tirar todo o proveito de uma infusão.

 

Ingredientes

1 colher de sopa Infusão D. Luiza

Tempo de preparação
< 1/4 de hora

 

Colocar a água para ferver e assim que começar a ferver, desligar o fogão;

Despejar 1 litro de água sobre 1 colher de sopa da infusão (ervas secas) D. Luiza;

Tapar o recipiente e deixar em descansar por volta de 5 minutos;

Retirar as ervas secas ou coar – evite deixar as ervas dentro da água demasiado tempo, isso poderá alterar o seu sabor;

Deixar arrefecer e beber. Quente ou frio, prove e vai ver que sabe a saudade!

Publicações recomendadas